Grupo de estudos pesqueiros
Localização › Conheça ›› Frotas ›› Detalhes

Como você classifica a
nova página do GEP?


Excelente
Boa
Regular
Ruim
Péssima


resultado parcial...

Untitled Document
:: Covos (armadilha de gaiola)
      Covos são armadilhas transportáveis (portáteis). Os covos podem ser construídos de diversos materiais, tais como madeira, ferro, plástico, arames e panagens de rede. Os modelos variam de acordo com a região (influência cultural), ambiente natural (adaptação ao tipo de ambiente como tipo de fundo e regime de correntes), e com a espécie-alvo. São empregados principalmente para pesca de crustáceos, como lagostas e caranguejos, mas também podem ser utilizados para captura de peixes. Os organismos são atraídos para o interior do covo por meio de iscas ou pelo simples oferecimento de um abrigo. As iscas podem ser naturais (carcaças de peixe, peixe triturado, ração animal, etc.) ou artificiais (louça branca).
GEP
      Em Santa Catarina, essa modalidade de pesca só se desenvolveu a partir do ano de 2001, com a chegada de barcos arrendados para a captura dos caranguejos-de-profundidade. Até o final de 2006 foram registradas apenas duas embarcações operando com esta modalidade de pesca no Estado, produzindo um total de 166 t em 2006. A partir de 2007 não houve desembarques da frota industrial de armadilha em Santa Catarina, em razão do encerramento das atividades das embarcações estrangeiras arrendadas no País. Para mais informações, veja os boletins estatísticos.
Topo
| GEP | Univali | Consultas | Endereços | Contato | Acessibilidade